Notícias

APS começou a desenhar abordagem à pandemia «logo no início de Fevereiro»

Em entrevista concedida ao ‘Dinheiro Vivo’, o presidente da Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS) abordou o contexto de pandemia que o planeta enfrenta e os efeitos directos que a disseminação do novo coronavírus vem exercendo nos portos nacionais. José Luís Cacho adiantou que a APS começou «logo no início de Fevereiro a preparar» todo processo de contingência.

«Começamos logo no início de Fevereiro a preparar este processo e a perceber o que aí vinha, aliás fomos das primeiras entidades a ter um plano de contingência coordenado com a autoridade de saúde, estabelecendo as medidas necessárias dentro dos portos, e fomos actualizando», declarou o responsável ao ‘Dinheiro Vivo’. Tal como a Revista Cargo noticiou oportunamente, a APS anunciou, a 14 de Fevereiro, a implementação de um plano de contingência para fazer face à nova pandemia. «Fizemos um cumprimento rigoroso das medidas das autoridades de saúde para terminais, áreas portuárias, concessionários, etc, caso a caso, e tem estado a correr bem», acrescentou.

Instado a comentar o regresso da Autoeuropa à produção (recorde-se que a fábrica de Palmela suspendeu, no passado dia 16 de Março, a sua actividade produtiva, devido ao COVID-19), no próximo dia 20 de Abril, José Luís Cacho afirmou tratar-se de uma excelente novidade. «A Autoeuropa tem um peso importante nas nossas exportações, é importante quer pelo trabalho directo quer pelas empresas que indirectamente fabricam componentes para a Autoeuropa e tem um peso muito grande na nossa economia. Excelentes notícias», declarou.

Recorde-se que, tal como a Revista Cargo noticiou no arranque de Março, a fábrica de Palmela passará a receber caixas de velocidades vindas da fábrica de Córdoba, na Argentina, e, por tal, contará com uma nova rota marítima, que terá origem no Porto de Buenos Aires e destino no Porto de Sines. «Vamos começar a receber caixas de velocidades vindas da fábrica de Córdoba, na Argentina, logo, teremos uma nova rota, com origem no Porto de Buenos Aires e destino em Sines», adiantou, em Fevereiro, Rui Baptista, Logistics Business Manager da Autoeuropa.

Fonte: Revista Cargo

Tags
Mostrar Mais

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Back to top button
Close
Close